[Artigo] Fortaleza e a destruição das políticas para as mulheres

Amanhã, 8 de março, dia internacional de luta das mulheres, as fortalezenses têm muitos motivos para se indignar. Nos últimos dois anos, assistimos a uma verdadeira destruição das políticas públicas voltadas para esse segmento em nossa cidade. A começar pelo esvaziamento da Coordenadoria de Políticas Para as Mulheres, criada na gestão Fortaleza Bela (seguindo uma orientação do Plano Nacional de Políticas para as Mulheres) e que, na atual gestão, perdeu o status de secretaria.

O Centro de Referência Francisca Clotilde, inaugurado em nossa primeira gestão como prefeita junto com a Casa Abrigo para mulheres em situação de violência – estruturas que se inserem no Plano Nacional de Erradicação da Violência contra as Mulheres –, perdeu muito de sua efetividade. Entre outros aspectos, porque saiu do bairro do Benfica, onde ficava próximo à Delegacia Especial de Atendimento às Mulheres, o que facilitava o acesso aos equipamentos de proteção.

A atual gestão também reduziu o tempo de permanência das crianças nas creches para apenas um turno, trazendo inúmeros transtornos para a rotina das mães trabalhadoras. Iniciativas como o Programa de Cozinha Popular – que gerava renda para as beneficiárias – foram extintas. Assim como a Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas), que se afirmou, em nossa gestão, como órgão promotor de importantes políticas para as mulheres.

As políticas de regularização fundiária e habitação popular, onde o papel da casa era entregue obrigatoriamente no nome da mulher, está parado e nenhuma casa foi entregue. Na área da saúde, entre outros exemplos de desconstrução das políticas para as mulheres, o caso mais evidente é o do Hospital da Mulher, que vem sendo esvaziado em sua proposta inicial de atenção à saúde integral da mulher com todas as suas especificidades e está, hoje, voltado apenas para o foco materno-infantil.

Nesse 8 de março, portanto, nos somamos às fortalezenses e reafirmamos a luta em defesa do Hospital da Mulher e das politicas públicas voltadas para as mulheres!

Luizianne Lins
Deputada Federal – PT-CE

Publicado no jornal O Povo, em 7 de março de 2015.

Comente e participe!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s