Luizianne recebe sugestões para Programa de Governo Participativo

Vamos contribuir com o nosso Programa de Governo Popular e Participativo. Acabamos de lançar a plataforma para receber as sugestões de vocês. Só a participação de todas e todos na elaboração das nossas propostas é capaz de proporcionar a construção de um governo verdadeiramente democrático e inclusivo para todo o povo de Fortaleza.

Faça suas sugestões aqui: https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSd2iGk_71zbpLgfgPJENJF5MI6ol3kTIuk-MCutnssZg4GiRA/viewform?usp=sf_link

 

Luizianne defende Comissão Externa para mediar greve dos correios

A deputada federal Luizianne Lins (PT/CE) assinou coautoria de requerimento para criação de Comissão Externa com o objetivo de acompanhar e mediar desdobramentos e negociações da greve dos Correios, iniciada em agosto.

Conforme a justificativa do pedido, a mediação é necessária para garantir a manutenção de direitos históricos assegurados à categoria relativos à saúde, segurança do trabalho, condições laborais dignas, manutenção dos postos de trabalho. Os autores também denunciam que a direção da estatal não estabeleceu qualquer interlocução com a categoria, além de descumprir cláusulas do Acordo Coletivo de Trabalho.

Veja na íntegra:

Luizianne é aclamada candidata à prefeitura de Fortaleza em convenção do PT

A deputada federal Luizianne Lins foi oficializada nesta quarta-feira (16/9) candidata do Partido dos Trabalhadores à Prefeitura da capital cearense. Durante a convenção de homologação das candidaturas do partido, o PT apresentou Vladyson Viana como vice de Luizianne.

Em seu discurso transmitido pelas redes, a ex-prefeita e futura gestora de Fortaleza agradeceu a participação da população no processo de construção do seu Programa de Governo Popular e Participativo. Até o momento, foram realizados seis encontros e o último vai ocorrer na próxima semana.

“Saúde”, “Educação”, “Cultura”, “Trabalho, Emprego e Renda”, “Segurança e Direitos Humanos” e “Assistência Social” foram temas já discutidos. Para concluir o ciclo de debates, “Meio Ambiente, Infraestrutura e Urbanismo” deverão entrar em pauta da próxima quinta (24/09).

As contribuições contaram com a participação de mais de 10 mil pessoas durante todo o processo. “Esse interesse mostra como a nossa cidade está insatisfeita com os rumos que ela vem tomando nas mais diversas áreas. Demonstra também o desejo latente de mudança e, claro, reacende a nossa esperança”, disse Luizianne.

Vladysson Viana expressou a alegria de compartilhar a caminhada junto de Luizianne, destacando a necessidade de ouvir as muitas Fortalezas que coexistem em uma só.

“Precisamos reencantar a população de Fortaleza. A população jovem negra, por exemplo, não pode ser só um indicador de violência, mas tem que ser um indicador de oportunidade e crescimento”, disse.

Vladyson, que ajudou no projeto “Cartão SUS”, iniciativa responsável por facilitar a sistematização dos usuários na rede público, é um dos responsáveis pela aproximação da juventude do campo e da capital. Ele, inclusive, foi responsável pela implantação do pró-jovem urbano e pró-jovem campo, programas fundamentais para a reinserção dos jovens no processo educacional.

Empoderamento popular e controle social, inclusão, participação e sustentabilidade foram alguns eixos apresentados como propostas de governo durante o encontro. “Nosso programa de governo contempla estratégias de combate à desigualdade social e à violência urbana; promoção de direitos de pessoas em situação de vulnerabilidade e acesso a serviços públicos; mobilidade e direito à cidade; mais creches para que as mães mulheres possam trabalhar; valorização do SUS; investimentos em saúde; respeito à diversidade; políticas de geração de emprego e renda para a juventude, além de formação e lazer”, sintetizou Luizianne.

A transmissão da Convenção pode ser vista aqui https://bit.ly/35Eh0W6

“Fortaleza precisa resgatar suas delicadezas”, disse Luizianne

Em depoimento gravado após homologação da sua pré-candidatura, na última quarta-feira (16/9), a deputada federal Luizianne Lins (PT/CE) falou sobre as motivações que a levaram a disputar as eleições municipais deste ano. “Para que a gente resgate a Fortaleza que ama, a Fortaleza que cuida e a Fortaleza que, acima de tudo, é uma grande cidade moderna, mas, ao mesmo tempo, que cuida dos seus habitantes com amor e com carinho”, disse.

A deputada também afirmou que “Fortaleza precisa resgatar suas delicadezas” e as políticas sociais de saúde e educação construídas nas duas gestões em que esteve à frente do poder municipal.

Mais uma vez, Luizianne demonstrou preocupação com o aumento do desemprego durante a pandemia e alertou que as sequelas deixadas pelo novo coronavírus vão exigir muita criatividade e emprenho dos governantes para superá-las.

Luizianne afirma que desafio imediato de sua gestão em Fortaleza será a Recuperação de Empregos

A deputada federal e candidata pelo PT à Prefeitura de Fortaleza, Luizianne Lins, defendeu à imprensa esta semana que o desafio prioritário para enfrentamento imediato em sua gestão será a Reconstrução da Economia e Recuperação de Empregos. “Este desafio é o principal a ser enfrentado por governos municipais e estaduais, diante da inércia do governo federal. Os impactos do Covid19 ainda serão sentidos em 2021 e, possivelmente 2022”, ressaltou.

Segundo ela, some-se a isso a desregulamentação do trabalho, a exclusão dos trabalhadores da previdência, o elevado desemprego e a redução dos gastos públicos, resultando em mais um desastre econômico do neoliberalismo.

Luizianne afirmou que o papel da Prefeitura de Fortaleza é desenvolver um Plano de Recuperação Econômica de Fortaleza, que contemple micro e pequenos empresários, com acesso ao crédito, e que recupere os empregos perdidos pela pandemia e pela incompetência federal, redirecionando os investimentos públicos para a geração de emprego e renda. E também o desenvolvimento de formas solidárias e cooperativas, com foco em rendas sociais, circulação de moedas sociais, transferência de renda e geração de oportunidades, a partir das vocações da cidade, como a economia da cultura, turismo, comércio e serviços.

Plenária defende que futura gestão Luizianne Lins retome o compromisso com as pessoas LGBTI

Pessoas ligadas ao movimento LGBTI+ apoiadores da candidata pelo PT à Prefeitura de Fortaleza, Luizianne Lins, realizaram plenária, no último dia 14/09, para construir propostas para o Programa de Governo Popular e Participativo. Nas exposições, foi relatado o desmonte da política LGBT em Fortaleza e sua transversalidade, desarticulando-se, assim, da rede integrada de proteção e promoção da população LGBT. Na gestão Luizianne, a rede contava com Assistência Social, Saúde, Educação e Direitos Humanos como as principais articuladoras da política) em Fortaleza.  

Os participantes da plenária denunciaram que a Coordenadoria de Políticas LGBT hoje se encontra isolada das demais políticas, portanto, há uma necessidade de retomada da inclusão das políticas LGBT na futura gestão Luizianne Lins. Também foi pontuado que, a partir de monitoramento da política LGBT realizada por organizações da sociedade civil, verificou-se que a atual gestão não teve nenhum gasto orçamentário com a política nos últimos anos. Também não realizou nenhuma ação cultural para população LGBT.

Houve ainda denúncia de que a violência contra as populações LGBT aumentou e o Ceará está entre os estados que mais mata LGBT no Brasil, principalmente pessoas TRANS. A maioria desses assassinatos ocorreu em Fortaleza este ano.

O direito à cidade para as LGBT está ameaçado, afirmaram, visto que, para elas não possui nenhuma medida de proteção no campo da segurança pública. Portanto há a demanda que Fortaleza retorne ao compromisso com as pautas LGTB, com a participação social e volte a ser uma cidade de gente feliz, com a solidariedade e respeito.