Audiência vai discutir violência sexual contra crianças e adolescentes com deficiência

Luizianne 1
A violência sexual contra crianças e adolescentes com deficiências será tema de debate na Câmara dos Deputados nessa quarta-feira (7). A conferência, promovida pela Comissão de Defesa dos Direitos das Pessoas com Deficiência a partir de requerimento da deputada federal Luizianne Lins (PT-CE), vai discutir mecanismos e políticas públicas para dar visibilidade a um assunto de difícil percepção pela sociedade. O debate ocorrerá no plenário 7, às 14h30.

Para Luizianne, a violência sexual, que já é cercada de muitos tabus, especialmente quando existem familiares envolvidos, torna-se ainda mais dramática e invisível quando envolve crianças e adolescentes com deficiência. Muitas vezes, essas vítimas não conseguem nem mesmo se expressar verbalmente. “A violência sexual contra criança e adolescente existe, mesmo elas não sendo deficientes. Isso aí se torna invisível, porque mães ou pais não querem que isso chegue à esfera pública. Imagina quando isso é praticado, muitas vezes, em ato covarde com pessoas que não podem se defender fisicamente”, afirma.
Convidados
Para a conferência de quarta-feira, foram convidados representantes de entidades como o Conselho Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente (Conanda), Conselho Nacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência (Conade), Delegacia da Criança e Adolescente no Distrito Federal, Ministério da Saúde, Secretaria Nacional de Direitos Humanos, Ministério Público Federal, Secretaria de Políticas para Mulheres, Centro de Defesa dos Direitos da Crainça e do Adolescente no Distrito Federal e Comitê Nacional de Enfrentamento de Violência sexual de Crianças e Adolescentes. Também foram convidadas as coordenadoras do Departamento de Proteção Social Especial do Ministério de Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Mariana de Sousa Machado Neris e Niusarete Lima.
Segundo a deputada, ainda não existem dados precisos sobre a violência sexual sofrida por jovens com deficiência. “O grande desafio é acabar com a invisibilidade, porque só assim as autoridades vão tomar consciência do problema e a gente vai poder buscar formas de prevenção ou de, pelo menos, acompanhamento do Estado”, propõe.
______
Serviço: 
Conferência sobre violência sexual contra crianças e adolescentes com deficiência. Dia 7 de outubro (quarta-feira), às 14h30min. Plenário 7 da Câmara dos Deputados, em Brasília. 

Comente e participe!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s