Luizianne debate cultura em atividade do seu Programa de Governo Participativo

A deputada federal e pré-candidata do PT à Prefeitura de Fortaleza, Luizianne Lins, realizou nessa quinta (20/08) o 3º encontro do seu Programa de Governo Popular e culturaParticipativo com o tema cultura. Participaram da atividade Alfredo Manevy, ex-secretário executivo do Ministério da Cultura (MinC) no Governo Lula e Fabiano dos Santos Piúba, secretário de Cultura do Ceará. O debate, mediado pela artista Nayra Costa, também teve participação do presidente municipal do PT, Guilherme Sampaio.

Luizianne realizou um resgate dos avanços da área na sua gestão e destacou o papel das artes e da cultura. “Essa pandemia nos mostrou que não precisamos de muito para viver, mas arte, filme, música estão sendo essenciais e nos ajudam a enfrentar esse momento; arte e cultura nunca foram tão importantes para a alma”, disse.

A deputada lembrou as marcas deixadas por seu governo na cidade de Fortaleza e citou a criação da primeira secretaria de cultura; meia-entrada para professores;  criação do Conselho Municipal de Cultura e de Proteção ao Patrimônio Público; Fundo Municipal de Cultura; o tombamento de 20 equipamentos históricos; orçamento próprio para a cultura; editais de cultura; criação do pré-carnaval com incentivo a 70 blocos; fortalecimento do carnaval; revitalização de espaços públicos, como Paço Municipal, Passeio Público e Mercado dos Pinhões; Mostra de Música Petrúcio Maia; Festival de Teatro e o Réveillon da Paz, dentre outras iniciativas abordadas por ela.

Alfredo Manevy fez inúmeras contribuições ao programa de governo e deu ênfase à necessidade de transversalizar a Cultura com as outras pastas, integrando as políticas. “A gestão de Luizianne transformou a cidade e foi referência na questão de cultura”, comentou o ex-secretário executivo do MinC.  Para ele, agora é hora de aprofundar políticas exitosas e inovar, com a valorização de pequenos produtores e realizadores. “Se a gente não cuidar dos pequenos empreendedores de cultura, as cidades vão perder e tudo será entregue aos grandes conglomerados”, alertou.

 O secretário estadual de Cultura, Fabiano Piúba, compartilhou o mesmo pensamento de Manevy sobre a reinvenção das cidades no período pós-pandemia. “O direito à cidade é o direito de reinventá-las e não existe essa reinvenção sem o direito pleno à cultura”, discorreu. Dentre as propostas apresentadas, Piúba falou sobre a importância de associar a economia criativa à economia solidária, elegendo a periferia como o centro da política cultural.

No encerramento do encontro, Luizianne fez considerações sobre as propostas apresentadas e sugeriu um processo de formação cultural contínuo para a juventude. “É preciso perceber a cultura como uma política transformadora e revolucionária”, comentou.

O encontro contou também com depoimentos em vídeo de representantes do segmento, que abordaram temas como cultura e inclusão, preservação do Maracatu e carnaval de rua, editais de cultura, teatro e cultura nas comunidades, dança, música e cinema.

Luizianne já realizou dois encontros para seu Programa de Governo: saúde e educação. As cidadãs e os cidadãos que quiserem contribuir com essa construção podem fazer sugestões em formulário disponível no Instagram (link na bio) e Facebook.

Os encontros temáticos do Programa de Governo Popular e Participativo de Luizianne Lins para Fortaleza podem ser acompanhados pelas redes sociais YouTube, Facebook e Instagram @luiziannelinsPT.

Comente e participe!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s