Luizianne defende trabalho remoto para gestantes durante pandemia

A deputada federal Luizianne Lins (PT/CE) assinou a coautoria do PL 3932/2020, queluizianne 8 ago plenario determina o afastamento de mulheres gestantes do trabalho presencial enquanto durar a pandemia. O objetivo é proteger essas mulheres de eventuais complicações em decorrência da Covid-19.

Conforme justificativa da proposta, 77% das mortes de mulheres gestantes ou em puerpério durante a pandemia, no mundo, são de brasileiras. Entre 1 de janeiro e 18 de junho de 2020, foram contabilizadas 124 mortes de mulheres grávidas ou puérperas no país. Nesse mesmo período, o mundo todo registrou 160 mortes maternas por Covid-19. Os dados demonstram que, a cada dez mortes maternas por Covid-19 no mundo, 8 ocorrem no Brasil.

“A situação é grave porque sabemos da difícil realidade do pré-natal em muitas cidades brasileiras. Os casos de Covid superlotam a rede hospitalar, portanto, caso uma mulher grávida necessite de um atendimento emergencial em virtude da doença poderá enfrentar dificuldades. O isolamento social rígido para mulheres nessas condições é uma forma de salvar vidas”, reforçou a deputada.

O PL conta com o apoio da bancada feminina da Câmara dos Deputados. Acompanhe: https://bit.ly/3aoj6tw

Comente e participe!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s