Medidas do governo promovem desmonte dos serviços públicos

O (des)governo Bolsonaro reedfoto_servidoresita mais um capítulo de suas maldades e propõe uma reforma para o Estado brasileiro: o plano Mais Brasil. A deputada federal Luizianne Lins (PT/CE) assinala que esse plano nada mais é do que um aprofundamento no corte de gastos sociais e o enterro da proteção social que ainda nos resta.

Para Luizianne, as PECs do Pacto Federativo, Emergencial e dos Fundos Públicos na realidade implodem o pacto federativo da Constituição de 1988, aniquilam as economias dos municípios, deixam os estados à mercê de bancos privados; diminuem gastos com educação, saúde e inviabilizam o combate à extrema pobreza.

Caso a PEC Emergencial seja aprovada, os servidores públicos da União, estados e municípios poderão sofrer redução de 25% em seus salários, eliminação de reajustes, suspensão de concursos e promoções de carreira, além do fim da estabilidade e adoção de parâmetros subjetivos para admissão.

Comente e participe!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s