“Bolsonaro é desprezível sob todos os pontos de vista; humano, ético…”, diz Luizianne em entrevista a alunos da UFC

A deputada Luizianne Lins (PT/CE) foi a convidada, na edição de segunda (9), do projeto do curso de jornalismo da UFC  “Cadernos de Jornalismo”, coordenado pela professora Isabel Andrade e desenvolvido pelos estudantes da disciplina “Jornalismo de Cidades”. A entrevista foi veiculada ao vivo no canal do youtube do curso.

Na entrevista à aluna Isabelle Maciel, Luizianne falou sobre o legado deixado por suas duas gestões, sobre políticas públicas de impacto, cenário político e a atual conjuntura. Para conectar todas essas dimensões, a ex-prefeita conduziu a conversa a partir da sua experiência como gestora de uma grande metrópole.

“Fortaleza precisava recuperar, no momento que nós assumimos o governo, a sua autoestima, que passa pelo conhecimento da história da cidade; pelos valores do seu povo e dos que a governaram. E pra gente entender o jornalismo que fale da cidade, é preciso saber que cidade é essa que nós estamos falando, como é que essa Fortaleza fala, como é que ela grita, como é que ela se expressa!”

Luizianne fez uma análise da eleição de Bolsonaro e lamentou o esfacelamento do projeto político que vinha sendo desenvolvido pelo PT e que tirou o Brasil do mapa da fome.

“Por muito menos, nós sangramos a política que vinha sendo desenvolvida por uma mulher da competência e austeridade da Dilma para colocar uma pessoa desprezível sob todos os pontos de vista; humano, ético…”

Fake News, CPI da Covid, eleições e perspectivas para 2022 foram temas abordados no decorrer da entrevista.

Assista na íntegra: https://bit.ly/3saDCXz

Comente e participe!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s